domingo, março 05, 2006

uindissiti goes to bollywood


este site é engraçado: pequenos clips de antigas produções de Bollywood a pedir legendas; a selecção de filmes muda todos os dias. Já fiz a minha legendagem. Podem vê-la aqui (ou clicando na imagem).

Em dia de 'óscares', nós vamos para Bollywood.

8 comentários:

Anónimo disse...

epá este site é mesmo muito engraçado.
andré

nongoloza disse...

é bom mesmo. Eu farto-me de rir com as possibilidades de legendagem. E há uma secção onde podes mesmo montar um filme, com base em cenas de filmes antigos.

anònimo comò caralho disse...

nongoloza - ¿casal ventoso? o nongoloza que eu conheci comprava uma grama de coca para dividir por oito, hardly casal ventoso material...

A. Cabral disse...

Mais vale ficar por Bollywood, porque Hollywood deprime em noite de oscares desarmados...

Miguel Caetano disse...

Hã?

Eu gostei muito da entrega dos Óscares - e não esperava grande coisa. Já há alguns anos que não via, mas desta vez pareceu-me que houve uma ligeira mudança de espírito. Hollywood parece que está mais aberta, tolerante, multicultural e mais intelectual até, em certo sentido. Se virmos bem, os vencedores tinham todos como pano de fundo temas "progressistas" como homosexualidade, drogas, racismo e Rap/Hip-Hop. O Jon Stewart foi mais uma vez muito bom. O Spielberg ficou a ver navios - bom sinal... O melhor teria sido se o filme palestiniano tivesse ganho o Óscar para melhor filme estrangeiro.

Acho que é bastante positivo esta ligeira alteração das mentalidades de Hollywood. Espero que continuem a dar mais atenção à produção "independente" e com um espírito crítico. O cinema para voltar a atrair pessoas às salas tem que prosperar como arte e não apenas como entretenimento, e isso é também negócio. Porque são os (potenciais) frequentadores das salas de cinema que continuam a gostar de ver boa arte e não os "couch-potatoes" que compram um plasma para ver no sofá em DVD os grandes blockbusters.

Danu Blau disse...

Miguel, tudo o que dizes e' verdade, e cantou-se 'it's hard out here for a pimp', fizeram-se as habituais piadas 'a casa branca e tudo o resto. Mas se ha algo a reter destes oscares - a celebracao de uma das maiores industrias norte-americanas, convem nao esquecer, apesar do glamour - e' que Hollywood acabou. E os temas que apresentas tem muito pouco a ver com hollywood, excepto no facto de partilharem o mesmo espaco urbano. Crash, por exemplo, foi produzido por uns estudios que nem sequer tem estudios...

De resto, eu acho que o oscar de melhor filme estrangeiro foi bem entregue 'a Africa do Sul e ao Tsotsi.

A. Cabral disse...

Se baixarmos as expectativas bem, bem baixo, entao foi fantastico!

Miguel Caetano disse...

Se baixarmos as expectativas bem, bem baixo, entao foi fantastico!

De facto, as minhas expectativas eram baixas, tendo em conta a história das cerimónias anteriores. Não é de súbito que se muda uma das instituições mais representativas do "military-entertainment complex" e há muitos milhões de dólares em jogo nas mãos dos grandes estúdios de produção. Não é de um momento para o outro que a Academia se vai tornar na defensora dos intelectuais e marginalizados da sociedade americana.

Agora, existiu claramente uma dissociação em relação ao panorama cultural e mental vigente nos EUA dominado por neo-cons fundamentalistas.