terça-feira, janeiro 03, 2006

O mete-nojo da blogosfera portuguesa

Os bloggers portugueses têm um grande jogo de cintura cavalheiresco. Algo tão simples como a data de aniversário de um blog pode dar azo aos mais rebuscados actos de gentileza epistolar. Fazer anos - acto de trivial inevitabilidade histórica - é anunciado como facto glorioso à comunidade blogger. E tratado protocolarmente: seguindo as mais elementares regras de politesse, os bloggers respondem à efeméride assinalando-a no seu próprio blog. O blog aniversariante agradece, então, a cortesia.

Mas os bloggers portugueses são muito pouco discretos no seu charme burguês. Começa logo pela escolha de nome: todos têm títulos carinhosamente pomposos. Referências literárias, doces ironias, chalaças para mentes cultas, tudo serve desde que soe bem. De preferência, estes blogs terão uma citação pungente de um grande autor, bem estampadada no header. Quanto mais obscura a citação, melhor.

E depois vêm as extensas e intermináveis listas de links, troféus de 'net-working' bloguista. É um pouco como trocar de cartões de visita: não se pode dar um sem que se seja oferecido outro. E por isso se linka por tudo e por nada. Um espirra, outro linka. E, depois, os bloggers portugueses são todos umas quadrilheiras de esquina: querem-se muito respeitados mas só vendem banha de cobra.
Adoram comentar, mas para se verem comentados e ir ver comentar.

No fundo, o blogger português tem medo da solidão. De se ver, como na vida, sozinho no seu blog.

4 comentários:

Proctologista disse...

Então, porque blogas tu? Manda cartas, emails, mas não venhas chatear o juízo a quem te quer conhecer um pouco de outra forma.

Fica bem

Mi disse...

Queres ver que conheces todos os blogs do mundo e que isto é exclusivo da blogosfera portuguesa? O tom da maioria dos teus posts soa a tuga arrogante e altivo que acha que conhece o mundo só porque está fora do país... Não há pachorra para o discurso "só em portugal, só os portugueses", que é a sensação que se fica quando se lê este blog.

Mas não te preocupes, dificilmente algum blogger há de se lembrar do teu blog prepotente, ou de te dar os parabéns porque escreveste 100 posts, ou porque é o aniversário...

Danu Blau disse...

Mi: este blog não é arrogante nem prepotente. Está aberto à crítica, ponto final.

quanto às visitas, são as que forem. isto não é nenhum campeonato. e claro que eu não acho que este problema é só da blogosfera tuga, mas foi isso que me limitei a comentar.

Danu Blau disse...

Mi, só mais uma coisa: a parte de se dar os 'parabéns ao blog' é - pelo pouco que conheço - uma tradição bem portuguesa.